Páginas

sexta-feira, 8 de março de 2013

Resenha - The Eminem Show

Olá,
Bom, gente, como na última sexta-feira eu não publiquei nada, por conta das complicações que houve com a minha internet, hoje vou fazer um post duplo. O primeiro trata de um apelo aos fãs para divulgarmos o quanto queremos Eminem aqui no Brasil. Trata-se de uma campanha que pretendo fazer com ajuda de vocês, os verdadeiros fãs do Eminem, ok?





Primeiramente irei falar pra vocês sobre o site Queremos!.

O Queremos surgiu de uma necessidade. Diversos eventos internacionais, sobretudo shows, estavam vindo ao Brasil, mas não ao Rio. O motivo alegado era sempre o mesmo: desinteresse do público. Cansados de esperar e certos de que há sim público interessado na cidade, resolvemos fazer algo além de reclamar. Desenvolvemos um formato inédito: dividir por uma fatia do público o valor necessário para produção de um evento, garantindo assim a sua realização - podendo reembolsar integralmente essas pessoas com a arrecadação da bilheteria. Através da mobilização via redes sociais online, o Queremos funciona tanto como uma ferramenta de financiamento como de divulgação. Como gostamos muito de eventos, buscamos melhorar a experiência como um todo, dentro do que nos é permitido, desde respeitar os horários (nada de shows que começam a 1h da manhã numa segunda) e preço justos dos ingressos.
Pronto. Agora que vocês já sabem mais ou menos do quê se trata, quero pedir para os fãs do Eminem se cadastrarem no site e pedirem o Eminem aqui no Brasil para o Rock in Rio 2013. É simples, para se cadastrar basta preencher os campos Nome, Email e senha.



Depois, procure o Eminem entre os artistas:

Se você não encontrar o Eminem, do lado ha uma caixinha para você cadastrar o artista em: Não foi dessa vez.
Pronto. Agora é torcer para que o Eminem venha ao Brasil e seguir o Queremos! no twitter para você ficar por dentro. Depois que o Eminem for contratado, basta você clicar em Eu Quero:

twitter: @Queremos.
Para a campanha nascer com força total, gostaria de pedir a vocês para compartilharem no twitter e no facebook constantemente a seguinte frase:
"@Queremos o @Eminem no #Rockinrio2013."
Agora que a campanha está lançada, vamos a segundo post.
The Eminem Show
Lançamento: 28 de Maio de 2002
Gravadora(s): Aftermath, Interscope, Goliath, Shady, Web
Formato(s): CD, Cassete, download digital, LP

Faixas:
01. Curtains Up | 02. White America | 03. Business | 04. Cleanin' Out My Closet | 05. Square Dance | 06. The Kiss | 07. Soldier | 08. Say Goodbye Hollywood | 09. Drips | 10. Without Me | 11. Paul Rosenberg | 12. Sing For The Moment | 13. Superman | 14. Hailie's Song | 15. Steve Berman (skit) | 16. When The Music Stops | 17. Say What You Say | 18. Till I Collapse | 19. My Dad's Gone Crazy | 20. Curtains Close (skit)

Por Mikaelly Andrade

Quando perguntado sobre o título do seu quarto álbum de estúdio (e terceiro pela gravadora de Dr. Dre.), Eminem explica como aconteceu:

“Teve The Slim Shady LP, teve The Marshall Mathers LP, já era previsível e ele veio. Eu sabia que as pessoas esperavam e queriam, mas fiz isso da maneira certa. [...] tá ligado né... eu não quero chamá-lo simplesmente de The Eminem LP. Eu estava vendo algumas entrevistas que eu fiz ano passado, e falava que minha vida era como um show. E então eu pensei: “por que não”?" The Eminem Show.”’

E assim veio o The Eminem Show, e com esse tema o álbum foi produzido, se mostrando como um espetáculo na vida do Eminem, pois o álbum estreou no número um na Billboard 200 e atingiu o primeiro lugar em várias paradas a nível internacional, com ele passou a vender mais de dezenove milhões de cópias em todo o mundo. Nos Estados Unidos, The Eminem Show foi o álbum mais vendido do ano, com vendas de quase dez milhões. O álbum recebeu oito discos de platina, tanto da RIAA e da Recording Industry Association of New Zealand (RIANZ). O álbum também recebeu uma certificação de diamante no Canadá, o equivalente a venda de um milhão de unidades.

Na capa Eminem aparece sentado no palco diante do que seria a plateia. Todas as faixas do álbum são raps líricos, e profundamente baseados em episódios da sua vida real, como sugere o título.

Faixa a Faixa:

Curtains Up
Funciona como a abertura do show.

White America
Faixa em que ele crítica à cultura hipócrita dos americanos. Por falta da liberdade de expressão, que eles dizem que são a favor das ideias jogadas na faces, mas propagam que são contra. Eminem também fala sobre seu sucesso e a polêmica ao redor dele, e questiona: “tudo isso é por que sou um branco fazendo rap? Pois não fui o primeiro a bater numa p*** e nem a falar v****”.

Business
A faixa é apresentada como se fosse um episódio de batman e robbie (Eminem e Dre). No rap ele fala que só ele pode salvar o mundo rap por causa das suas letras, e que as pessoas poderão sempre esperá-lo, pois nunca ele vai abandonar o mundo do rap.

Cleanin' Out My Closet
Faixa a qual tornou Eminem muito polêmico, por no vídeo conter cenas dele enterrando a própria mãe (para quem enxerga tudo superficial). Como diz o título, traduzindo fica limpando meu armário, não significa relamente que ele deseje matar a mãe ou algo assim, mas funciona mais como um desabafo e um acerto de contas. No primeiro verso, por exemplo, ele expressa o quão chateado está pelas pessoas fazerem protestos contra ele, sendo que muito outro rappers já falaram coisas parecidas.
No segundo verso ele fala sobre ter sido abandanado pelo pai e as violências domésticas que sofria na infância. Sobre as besteirs que ele cometeu contra Kim. E dispara com ironia: “É a minha vida, eu gostaria de apresentar pra todos vocês o "The Eminem Show"’. Quão maravilhoso para outros pode ser a desgraça alheia? Foi isso que ele quis dizer.

Square Dance

Mais uma faixa que a introdução começa como se fosse a apresentação de um show. E em todos os versos mais críticas, principalmente contra Bush e o seu governo.

The Kiss
Skit em que é narrado suposto episódio em que Eminem flagra Kim com outro homem.

Soldier
Por mais que apareçam as dificuldades ele nunca irá cair. Por mais que o sistema queira f***-lo, eles nunca irão conseguir. Por mais que outros rappers tentem ser parecidos com ele, eles nunca serão. Ele suporta e supera tudo, pois é soldado.

Say Goodbye Hollywood
Ele questiona por que as pessoas o tratam como se ele fosse uma celebridade, se tudo que ele pretende fazer é dar um futuro a sua filha, pois ele não quer ser como seu pai. Questiona também como pode as pessoas o tratarem de um jeito meio exagerado de zelo, se elas nem se importam com ele. Então, ele quer por fim nisso, dizendo adeus a Hollywood e deixando tudo isso de vez.

Drips
Faixa em que ele e Obie fala mau das mulheres p***s.

Without Me
No mundo do rap as coisas só funciona por que ele existe. Mais ele se sente meio que obrigado já que nenhum rapper é bom que nem ele.
“Existe um conceito que funciona
20 milhões de outros rappers brancos surgem
Mas não importa quantos peixes estejam no mar
Ele estará tão vazio sem mim”

Paul Rosenberg
Apenas uma mensagem do seu empresário pedindo pra ele deixar a arma em casa.

Sing For The Moment
Nessa faixa mais uma vez Eminem fala sobre as críticas que sofreu por causa dos seus primeiros álbuns. Pois algumas crianças se sentem identificadas com ele, e isso funciona como s fosse uma ameaça para ela, por isso os protestos foram feito contra o Em’. Então, ele questiona como que ele pode ser uma pessoa má e criminosa se ele é quem toma conta das filhas?

Superman
Faixa em que claramente percebe-se que ele fala sobre o suposto caso que teve com Mariah.

Hailie's Song
Canção dedica a sua filha. A faixa mostra o quão feliz ele está por está com sua filha, que mesmo sem saber cantar, ele se atreve por Hailie.

Steve Berman (skit)
Steve faz um elogio ao álbum.

When The Music Stops
Com a participação do D 12. Cada membro narra um episódio da sua vida e questiona se continuaria assim quando a música parasse. Ou quando eles parassem de fazerem música.

Say What You Say
Faixa crítica sobre outros rappers que falam coisas idiotas sobre Dre e Eminem.

Till I Collapse
Ele só irá parar se um dia ele tiver um colapso, pois enquanto não continuará em frente sem desistir dos seus objetivos.

My Dad's Gone Crazy
Ele fala sobre suas insanidades e Hailie pede ajuda.

Curtains Close (skit)
Funciona como o encerramento do show. As cortinas se fecham.


Singles: White America, Cleanin' Out My Closet, Without Me, Sing For The Moment e Superman.

Vídeos:







Por hoje, é só. Mas, eu gostaria de contar com apoio de vocês na campanha!
Até a próxima sexta,
M.
@AndradeMikaelly (meu twitter)

4 comentários:

  1. ENCORE, RELAPSE, RECOVERY sao os proximos

    ResponderExcluir
  2. No começo da música My Dad's Gone Crazy, dá pra ouvir o Eminem cheirando, ai a Hailie pergunta: "Pai, o que você esta fazendo?". kkkkkk

    ResponderExcluir
  3. tem algumas informações desatualizadas, o álbum já passou dos 10 milhões nos EUA e mundialmente já vendeu mais de 20,5 milhões

    ResponderExcluir

O Blog não se responsabiliza pelos comentários feitos por seus visitantes, e se reserva no direito de excluir comentários com linguagem grosseira de conteúdo calunioso ou difamatório.

Leia também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...