Páginas

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Cantora Bebe Rexha fala sobre co-escrever a nova parceria de Eminem e Rihanna, "The Monster"

De volta em novembro de 2012, quando a cantora Bebe Rexha estava escondida no estúdio Stadium Red no Harlem trabalhando em seu álbum de estreia, ela simplesmente teve essa sensação. Ela gravou o refrão de uma faixa emocional chamada "The Monster", e antes mesmo de ser concluída, ela resmungou a coisa mais absurda na cabine de gravação. "Essa é uma faixa do Eminem, pessoal."

"Eu estava em um lugar muito obscuro, um espaço obscuro na cabeça", lembra a artista de 24 anos da Warner Bros. sobre compor a faixa que iria se tornar a quarta colaboração de Eminem e Rihanna. "Descobrir onde você está na vida e tentar fazer as merdas darem certo pra você - isso te atinge. Você fica super desanimada consigo mesma. Eu só estava tentando sair de uma fase depressiva. É daí que [a música] veio."

Bebe diz, misteriosamente, que a inspiração inicial para o próximo single do Eminem foi tudo gerada de uma citação que ela leu "sobre os monstros que estão a nossa volta e que vivem dentro de nós." Ela tinha sido desencorajada após sair de seu contrato com a Island Def Jam, mas sabia que essa era uma faixa especial, uma que poderia defini-la tanto a título pessoal quanto a profissional.

A música começou sua jornada até The Marshall Mathers LP 2 do Eminem quando Frequency, o produtor da faixa, estava no estúdio mostrando faixas para Riggs Morales, vice-presidente de A&R da Shady Records. Quando ele tocou "The Monster", Morales "pirou" imediatamente pedindo que os versos fossem retirados para mandar para o Eminem.

"É uma música muito especial", disse Bebe, atualmente sobre a onda de seu hit "Take Me Home" com a dupla Cash Cash. "Eu sei que quando [o Eminem] ouviu, ela falou com ele."

E o Em falou de volta, acrescentando seus próprios versos e aprimorando o instrumental, mas deixando os backing vocals da cantora armênia intactos. "O jeito que eu canto nela, não pode ser duplicado", ela acrescentou. "É muito único para a minha arte." Quando ela leu um tweet vago de Rihanna com a hashtag "monster", ela teve a sensação mais engraçada de que a cantora de Barbados seria a cereja no topo.

Ao contrário da primeira colaboração de Em-Rihanna - a brilhante "Love The Way You Lie" - Bebe diz que sua faixa mais nova tem uma estética mais temperamental.

"A faixa e as letras parecem obscuras, mas estão vindo de um lugar realmente leve", disse Bebe, que ainda não ouviu a versão final de Eminem e Rihanna de sua faixa (chegará às rádios americanas em 28 de outubro). "Eu tive um momento onde estava tipo, eu tô tão cansada de esperar pelas outras pessoas me aceitarem. Eu sou fodida, mas tá tudo bem... Você chega ao ponto onde está tipo, eu só estou sendo eu mesma e se as pessoas não gostam, então é o que é."

Está claro que Eminem mais do que gosta de sua contribuição ao seu mais novo projeto. O maior sinal, no entanto, que a faixa de Bebe era pra ser veio quase um ano depois da confirmação inicial do advogado do Em.

Após 10 meses de silêncio da equipe da Shady, a mãe de Bebe a mandou uma mensagem com a tracklist recém-divulgada de MMLP 2 no início do mês. Ela estava no estúdio gravando conforme ela leu o nome de sua música, o título intacto, como a 12ª faixa no aguardado álbum de Slim Shady.

O nome do time de produção com quem ela estava trabalhando naquela noite em particular: The Monsters.

fonte: Vibe.com
Crédito Everything is Shady

Um comentário:

  1. Parabéns pra ela , só espero que a rihanna faça um bom trabalho

    ResponderExcluir

O Blog não se responsabiliza pelos comentários feitos por seus visitantes, e se reserva no direito de excluir comentários com linguagem grosseira de conteúdo calunioso ou difamatório.

Leia também:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...